Decision IT oferece soluções tecnológicas em sintonia com a evolução do SPED

Decision IT oferece soluções tecnológicas em sintonia com a evolução do SPED

Por Mauro Negruni, Diretor de Conhecimento e Tecnologia da Decision IT

Com foco na eliminação de trabalho manual e valorização dos profissionais, a Decision IT implementou a robotização de rotinas para integração e validação de dados. O Workmatic PRO foi desenvolvido neste sentido, pois libera os recursos humanos de tarefas mecânicas por meio da automatização e de processos rotineiros da área fiscal.

Com a evolução da tecnologia e crescente necessidade de inovação para redução de custos com o projeto SPED, a Decision IT, sempre em sintonia com o mercado e antecipando entregas aos seus clientes, desenvolve sua solução fiscal: O Decision SPED.  Utilizando uma plataforma tecnológica moderna que proporciona alta performance, o Decision SPED reduz esforços, garantindo a entrega de segurança fiscal compatível com o SPED.

Como empresa de vanguarda no atendimento de obrigações disponibiliza soluções com prazo adequado para ambientação dos usuários-chaves do Decision SPED. Um exemplo é a rotina da ECF, que fora disponibilizada em fev/15, cuja previsão de entrega é em set/15. Já a rotina de escrituração do Bloco K (publicação de controles da produção e estoques) fora disponibilizado aos clientes em jan/2015. A Rotina do ReInf – nova obrigação a ser publicada brevemente já está em analise pela equipe de manutenção do sistema –  tem data prevista para liberação em dez/15 de (apesar de a entrada no ambiente de produção nos entes estatais só em Setembro de 2016). REINF, Bloco K e ECF, os três principais assuntos do SPED este ano, serão abordados no Workshop  “No detalhe do SPED” promovido pela Decision IT no dia 24 de Setembro em Porto Alegre.

A palavra do diretor-presidente Rogério Negruni dá a dimensão dos planos da empresa para os próximos anos na busca da desoneração dos ERPs quanto às rotinas fiscais, especialmente aqueles que deverão migrar para o conceito de nuvem. A companhia já possui clientes nesta modalidade, utilizando-se do potencial de mobilidade, escalabilidade e compartilhamento de recursos com o benefício da redução de investimento.

Fonte: Revista Mercado TI – SEPRORGS – Página 15.

Sem comentários

Publicar um comentário